Atlético-MG é multado pela Justiça por dívida referente a compra de Victor

Divulgação/Site Oficial do Atlético-MG

A sexta-feira (14) não foi apenas de boas notícias para o Atlético-MG após a vitória contra o Sport Boys (BOL), pela Libertadores. O Galo terá de pagar uma multa de R$ 2 milhões em decisão expedida pela 17ª Vara Cível do Foro Central de Porto Alegre relacionada a uma dívida que o time tem com o Grêmio pela compra do goleiro Victor.

De acordo com o Globoesporte.com, o valor da multa é de 20% da dívida que o Galo tem com o Tricolor, que já teria ultrapassado R$ 12 milhões. A decisão foi expedida pelo fato de, de acordo com os gremistas, o time não ter entregue parte do valor da venda de Lucas Pratto ao São Paulo.

LEIA MAIS

“TER UM DIA SEM DOR”, REVELA LAIS SOUZA SOBRE SEU MAIOR DESEJO

VICTOR REVELA O QUE PENSOU ANTES DA DEFESA CONTRA O TIJUANA EM 2013: “F…”

BAND ATINGE VICE-LIDERANÇA COM TRANSMISSÃO DE BAYERN X REAL MADRID PELA UCL

O Grêmio, ao cobrar a dívida por Victor, teria pedido na Justiça o bloqueio de valores referentes à venda de Pratto ao time do Morumbi. O São Paulo tem de depositar duas parcelas desta negociação em uma conta que está vinculada ao processo, já ultrapassando R$ 10,5 milhões. A parcela a ser paga pelos paulistas é de cerca de R$ 1,6 milhões.

O Atlético-MG já se pronunciou recentemente sobre o caso, afirmando não ter conhecimento da dívida que tem com o Grêmio por Victor. A equipe gaúcha também chegou a pedir sanções ao clube mineiro em futuras transferências pelo não pagamento da dívida.

De sua parte, o time reclamou que o Tricolor não pagou ao Galo valores relativos a cessão de parte dos direitos econômicos do zagueiro Werley, envolvido na negociação do goleiro.

(Crédito da foto: Divulgação/Site Oficial do Atlético-MG)