Raio X: Veja o que pode fazer a diferença nas quartas de finais da Superliga Feminina

Na próxima quinta-feira (16) começa a fase decisiva na Superliga Feminina 2016/17. E os primeiros confrontos podem definir previamente os semifinalistas da competição. Para os favoritos, Rexona Sesc, Vôlei Nestlé, Dentil Praia Clube e Camponesa Minas, a série melhor de três partidas deve ser decidida o mais rápido possível, mas antes é preciso “combinar” com os adversários.

A primeira partida das quartas de finais acontece no ginásio José Liberrati, em Osasco, será entre Vôlei Nestlé, segundo colocado na fase de classificação, e Fluminense, sétimo na tabela. Com o favoritismo apontado para o time de Dani Lins e companhia, o jogo promete ser tenso. Apensar das duas vitórias das paulistas na primeira fase da Superliga, o time carioca quase derrotou as adversárias em um confronto decidido no quinto set, por 3 a 2 para a equipe de São Paulo.

LEIA MAIS:

LESÃO DE FABIANA PREOCUPA DENTIL PRAIA CLUBE NA RETA FINAL DA SUPERLIGA
DEFINIDOS DATAS E HORÁRIOS DAS QUARTAS DE FINAIS DA SUPERLIGA

Para conter o ânimo das adversárias, o Vôlei Nestlé vai contar com a torcida no ginásio. Melhor média de público da atual edição do torneio, a equipe segue invicta dentro de casa, e conta com os ataques potentes de Tandara para sair na frente no confronto. Do lado adversário, a experiência de jogadoras como Sassá e Jú Costa podem ser o diferencial do Fluminense. As duas inclusive já jogaram no adversário desta quinta-feira, o que pode ajudar no jogo do equipe tricolor.

No dia seguinte, será a vez do Rexona Sesc enfrentar o Pinheiros, em São Paulo. Como estratégia, a comissão técnica vai iniciar a série melhor de três jogos fora de casa. Além do fator torcida a favor, a equipe paulista terá em quadra, a segunda maior pontuadora da Superliga Feminina, a oposta Bárbara, com 329 pontos. O confronto na saída de rede promete ser equilibrada, a jogadora Monique tem sido o destaque do time carioca nas últimas partidas e dará muito trabalho para a defesa rival.

Em Uberlândia (MG), Dentil Praia Clube e Brasília, protagonizam um dos confrontos mais equilibrados desta fase. A equipe da capital federal quer apresentar o voleibol alcançado nas primeiras rodadas da Superliga, no qual o time ficou na liderança do torneio e ganhou partidas importantes, como a vitória diante do Vôlei Nestlé, por 3 sets a 0. Já no Praia, a maior preocupação é em relação as condições físicas da central Fabiana. Passadas as dificuldades, a equipe ainda conta com a força de sua dupla estrangeira Ramirez e Klimerman, principais pontuadoras da equipe no torneio.

O jogo final deste primeiro final de semana de quartas de finais da Superliga Feminina será a partida entre Camponesa Minas e Genter Vôlei Bauru. O time de Minas Gerais segue em evolução após as chegadas de Hooker e Jaqueline. A equipe do interior de São Paulo coloca a prova a evolução das últimas rodadas da fase de classificação, e conta com o bom rendimento no ataque da ponteira Thaisinha.