Mirassol revê Palmeiras pela 1ª vez após 6 a 2, mas atacante descarta novo placar elástico

Crédito da foto: Divulgação/Mirassol FC

O Mirassol virou um grande terror para o Palmeiras nos últimos anos, principalmente após uma goleada que jamais será esquecida pelo Leão da Araraquarense.

Em 2013, ano em que o Verdão disputou a Série B do Brasileirão, o time do interior aplicou sonoros 6 a 2 no Estádio José Maria de Campos Maia, pelo Estadual. Nesta quarta-feira (22), as equipes se reencontram pela primeira vez após aquele jogo – o Mirassol foi rebaixado naquele Paulistão e retornou somente em 2017.

VEJA MAIS
EXCLUSIVO: ATACANTE EXPLICA SUCESSO DO SURPREENDENTE MIRASSOL NO PAULISTÃO

Um dos jogadores que estarão em campo logo mais é Welinton Júnior. Em entrevista exclusiva ao Torcedores.com na última semana, ele projetou esse reencontro, que dessa vez acontecerá no Allianz Parque, mas descartou um novo placar elástico sobre o Palmeiras, como ao de 2013.

“É inesquecível aquele 6 a 2 de 2013. Claro que se a gente ganhar de meio a zero será goleada, pelo time que eles tem, e pelo time que nós temos também, afinal estamos fazendo bom trabalho e todo mundo se ajuda dentro de campo. O pensamento é esse, de levar o clube à classificação no Paulistão e ter um calendário para o ano todo”, disse o jogador, demonstrando respeito ao atual campeão nacional.



Jornalista desde 2012, ex-Diário do Grande ABC e NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com e no jornal ABCD Maior.