Mercado da bola: Grêmio já sabe como pretende seduzir Rosário por Musto

Damián Musto
Foto: Divulgação/Rosário Central

Durante coletiva de imprensa, o presidente Romildo Bolzan Júnior explicou como pretende seduzir o Rosário Central para abaixar a pedida e fechar com o volante Damián Musto. O mandatário revelou que a pedida de U$1,5 milhão para vender os direitos do volante é muito caro, mas o dirigente quer dividir os direitos econômicos para contratar o argentino de 29 anos.

“Temos que discutir os valores. O Musto tem 29 anos. O valor de um milhão e meio de dólares é muito caro. Por esse valor, não alimentaria a contratação, não daria esperança. É muito caro pelas características da contratação. Se baixar o preço, se compartilhar os valores dos direitos econômicos, aí pode ser. O jogador deseja vir. Ele conversou com a direção. Mas são três partes. Se o Rosario não concordar, não sai negócio”, diz.

LEIA MAIS:
MERCADO DA BOLA: ESTUDIANTES CONFIRMA PROPOSTA DO LILLE POR DESTAQUE ARGENTINO
CONFIRA A PROVÁVEL ESCALAÇÃO DO RIVER PLATE PARA O DUELO CONTRA O LANÚS

Uma das cláusulas que facilita a saída na metade deste ano é por conta da idade, o Grêmio entende que o valor solicitado pelo Rosário Central é acima do mercado. Com contrato até junho de 2019, o volante revelou seu desejo de trocar o futebol argentino pelo Tricolor Gaúcho.

Caso a negociação não avance, Odorico Roman confirmou que avalia outros nomes: “Temos alguns nomes em análise, o Musto é um dos nomes, mas não existe a questão de estar certo para maio. Estamos conversando com o Rosario, talvez nas próximas duas semanas teremos uma semana se o Musto vem ou não”, completou.



Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com