Entrevista: Rorion Gracie

O site Torcedores fez uma entrevista exclusiva com Rorion Gracie, filho mais velho de Hélio Gracie, uma das raríssimas pessoas a ter o 9º grau de jiu-jitsu (faixa vermelha) e fundador de um dos maiores eventos do mundo, o UFC. Bacharel em Direito, com certeza, foi a pessoa responsável pela difusão do jiu-jitsu pelo mundo. Rorion ainda defende a alimentação saudável, através da denominada Dieta Gracie. Acompanhe nossa entrevista e conheça um pouco mais desse ícone do esporte mundial e de seu pensamento.

Leia mais.

JOSÉ ALDO PROMETE NOCAUTEAR MAX HOLLOWAY NO UFC 212

Torcedores: Como é ser filho e sucessor de uma lenda das artes marciais e do esporte?
Rorion Gracie: Eu sempre admirei o trabalho do meu pai, por isso me dediquei a continuar o seu trabalho e seu legado, me sinto muito feliz por ter dado a ele a alegria de ver seu jiu-jitsu disseminado por todo o mundo.
Torcedores: A exceção de Hélio Gracie, é possível indicar quem é o maior representante da família nas artes marciais?
Rorion Gracie: A familia tem muitos representantes, como lutador talvez o Rickson por ser um lutador completo, o Royce pela popularização da arte no UFC, e eu, como professor, sempre segui a metodologia do Mestre Helio, o que me fez um professor excepcional. A minha ideia de criar o UFC, tambem ajudou!
Torcedores: Como foi feita a escolha de Royce Gracie, o “irmão franzino” para ser o representante da família e do jiu-jitsu no UFC?
Rorion Gracie: Eu escolhi o Royce porque achei que ele seria um melhor exemplo da técnica do nosso jiu-jitsu. Deu tudo certo como eu previra.
Torcedores: O jiu-jitsu, certamente, foi um dos pilares de sua evolução pessoal. Qual é o grande benefício que você obteve com a prática dessa arte marcial?
Rorion Gracie: A auto confiança foi sem dúvida um dos grandes benefícios, alem disso, poder ajudar a outras pessoas a alcançarem o mesmo, é uma felicidade inexplicável.
Torcedores: Como faixa vermelha de jiu-jitsu, qual seria a principal vantagem desse estilo de luta em relação às demais? E qual seria o “ponto frágil” (se há algum).
Rorion Gracie:  O Jiu-jitsu é comprovadamente a arte marcial mais completa que existe. Os primeiros UFCs provaram isto sem sombra de duvida. Hoje todo lutador profissional sabe que tem que praticar JJ ou nao tem chance.
Torcedores: Você pode nos falar um pouco sobre como funciona o que chamam de “dieta Gracie”?
Rorion Gracie: A Dieta Gracie é um regime alimentar não restritivo, que tem com objetivo evitar a fermentação e a acidez do sangue. O objetivo é alcalinizar seu organismo, fazendo que voce não sofra as inconveniências como: azia, má digestão, dores de cabeça, sensação de estar inchado, gastrites, Sindrome do Intestino Irritavel, etc. O livro “A Dieta Gracie”, tem mudado para melhor a vida de milhares de pessoas em todo o mundo! Além disso, na minha página aqui no Facebook, estou sempre dando dicas de saúde e respondendo perguntas dos amigos e fans.
Torcedores: Você também foi pioneiro na criação de instrutoria por internet, fato que atenderia a evolução mundial que caminha a passos largos à cultura do EAD (Ensino à distância). Como surgiu a ideia? Esse método tem alguma deficiência se compararmos ao método presencial?
Rorion Gracie: O ideal seria aprender com um bom professor em uma academia. Como muita gente no entanto, não tem acesso a um ensinamento de qualidade, criamos um curso que pode ser feito online. Como as primeiras aulas são gratuitas, vale a pena coferir no site: www.gracieuniversity.com
Torcedores: Como surgiu a ideia de criação do UFC?
Rorion Gracie: Depois de passar 10 anos dando aulas na minha garagem na California, EUA, onde enfrentei centenas de desafios contra todas as artes marcias, achei melhor partir para uma ideia mais audaciosa, e criar um evento onde as artes marcias poderiam ser vistas em um combate real. Com isso criei uma revolução que literalmente mudou o mundo!
Torcedores: O UFC, no início, me parece, não exigia do atleta um preparo exclusivo para as lutas. Os atletas, destaques em suas respectivas artes marciais, se enfrentavam para verificar qual modalidade seria a campeã. Hoje, as lutas envolvem muito mais a consagração do atleta do que da arte marcial. Para tanto, há um preparo exclusivo que faz com que o lutador perca peso de forma abrupta. Como você vê esse procedimento? Acha que ele é sadio ou prejudicial ao atleta?
Rorion Gracie: Acho que esta ideia de perder peso, para lutar é muito prejudicial a saúde dos atletas.
Torcedores: Eu, quando ouço falar de UFC sempre me lembro da luta entre Royce Gracie e Dan Serven na edição nº 4. Para mim é uma luta inspiradora, que demonstra que o controle da mente é importantíssimo para a consagração e sucesso do lutador. Para você, qual é a principal luta já ocorrida no torneio?
Rorion Gracie:  Para mim também, a luta do Royce com o Dan foi clássica!
Torcedores: como você vê e avalia o jiu jiu-jitsu feminino. E qual sua opinião sobre as lutas femininas no UFC.
Rorion Gracie: A prática do jiu-jitsu pelas mulheres eu acho ótimo! No entanto não acho que mulher deve trocar pancada em luta de vale tudo.
Torcedores: Quais seus planos para o futuro?
Rorion Gracie:  Atualmente, minha missão de vida é compartilhar os conceitos de alimentação da Dieta Gracie. Faço palestras motivacionais corporativas, assim como, sobre saúde, estilo de vida, e atendo clientes particulares que queiram melhorar sua saúde.
Torcedores: Muito obrigado pela cordialidade e atenção. Foi um imenso prazer poder entrevistá-lo. Deixe um recado para nossos leitores.

Rorion Gracie: Meu recado é que não devemos esquecer que a saúde é a maior riqueza que podemos ter! Você é o que você come! Se eu tivesse que escolher entre minha faixa vermelha e a minha Dieta, eu ficaria com a Dieta sem dúvida nenhuma!

Aurelio Mendes – @amon78