Eduardo Baptista exalta atuações de Prass e Felipe Melo em virada do Palmeiras

Palmeiras
Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

Em um clássico movimentado e com muitas chances para ambos os lados, o Palmeiras virou sobre o Santos e venceu por 2×1, em plena Vila Belmiro, quebrando um tabu que se estendia desde 2011. Após o confronto, o técnico Eduardo Baptista elogiou a atuação do goleiro Fernando Prass, que realizou grandes defesas durante a partida, e exaltou o volante Felipe Melo, que atuou por boa parte do tempo pendurado com um cartão amarelo.

Com o resultado, o Palmeiras chegou aos 21 pontos, seguiu na primeira posição do Grupo C e garantiu classificação para a próxima fase do Paulistão com três rodadas de antecedência.

LEIA MAIS:

ASSISTA AOS GOLS DA VITÓRIA DO VERDÃO SOBRE O SANTOS

SAIBA COMO FOI A VITÓRIA DO VERDÃO NO CLÁSSICO CONTRA O SANTOS

Além de Prass, Eduardo Baptista comentou a atuação do goleiro santista, que, em algumas oportunidades, evitou que o Palmeiras abrisse o placar ainda no primeiro tempo.

“É importante. Quando vem jogar com o Santos, tem de vir com goleiro. O Santos agride, tenta de todas as maneiras, faz dobra na beirada, passe por dentro. Fatalmente vai ter chances. Tendo um grande goleiro como Fernando Prass, é importantíssimo para um time que quer chegar longe. O goleiro do Santos também pegou bolas importantes. É um bom futebol. É duro se a bola não chega no Prass e no Vladimir. É o futebol que a gente prega”

O técnico alviverde também comentou sobre a atuação de Felipe Melo, que foi muito marcado pela torcida santista, que tentou provocar o camisa 30 durante quase todo o jogo.

Um jogador que dá equilíbrio ao time, principalmente no primeiro tempo com passe vertical bom, criou-se situações a partir do pé dele (Felipe Melo), com Mina e Edu participando. É um jogador que a torcida tenta desequilibrar, a adversária. Pegam no pé dele, mas ele não sai da sua frieza. Jogou o tempo todo com cartão amarelo contra o Santos, na Vila, contra Lucas Lima, Tiago, Ricardo… Ele jogou o primeiro e o segundo tempo bem, sem cartão, falta desleal. Ajudou demais hoje.”

Com a classificação assegurada, Eduardo Baptista afirmou que vai buscar a primeira colocação da classificação geral, mas vai poupar o elenco nos últimos jogos da equipe na fase de grupos (clique AQUI e confira o que o técnico alviverde falou).