Dana White revida declarações de Meryl Streep e a chama de “senhora esnobe”

Reprodução / Facebook

Conhecida mundialmente por seus papeis no cinema Hollywoodiano Meryl Streep polemizou no último domingo, na premiação do Globo de Ouro, com críticas acidas ao presidente Donald Trump, e suas declarações causaram um mal-estar no mundo das artes marciais.

LEIA MAIS:

PRAIA DE QUINTÃO RECEBE O PRIMEIRO EVENTO DE MMA DO ANO NO LITORAL GAÚCHO, O BEACH FIGHT QUINTÃO MMA

UFC 207 ESTABELECE RECORDE NO PAY-PER-VIEW PARA O ULTIMATE. ENTENDA!

No discurso, Meryl criticou as medidas que Donald Trump promete tomar contra os imigrantes em território estadunidense. E uma das frases não pegou bem com os lutadores. “Se mandarmos todos os estrangeiros embora, não vamos ter nada o que assistir a não ser futebol e artes marciais. E isso não é o que a arte deve ser”, declarou a atriz norte-americana.

Só que dois dias após o discurso, foi a vez de Dana White revidar as críticas feitas pela atriz, e ainda a chamou de “senhora esnobe”, em entrevista ao site TMZ. ” MMA não é para todos e a última coisa do mundo que eu espero é que uma senhora esnobe de 80 anos faça parte do nosso demográfico e ame MMA”, rebateu o mandatário do UFC.

“Se você for ver quem segue o MMA, é todo mundo. Como disse, não espero que qualquer uma senhora de 80 anos seja grande fã de MMA. E todos têm o direito disso. Não sou muito fã de golfe, mas isso não significa que as pessoas devem parar de assistir isso. Apenas mude o canal”, completou Dana.

Após as réplicas contra  a atriz, Dana apaziguou a situação, mas ainda afirmou que as declarações proferidas foram “estúpidas”.

“Claro que é uma arte. Esse lutadores e lutadoras são tão talentosos e treinam a vida inteira para se tornarem os melhores do mundo. Aqueles que entram no UFC são a elite da elite. Dizer algo estúpido como isso é como dizer que ela não é uma atriz talentosa, e claro que ela é uma atriz muito talentosa”, finalizou o presidente do UFC.



Estudante de jornalismo, apaixonado por esportes.