Após título inédito com o Corinthians, jogadores reclamam atraso de salários e premiação por conquistas

Reprodução
Reprodução

Ao contrário do campo, o Corinthians fez história no futsal nesta temporada. O time conquistou o inédito título da Liga Nacional ao vencer o Magnus na decisão. O time alvinegro venceu o Sorocaba, por 5 a 2, no Parque São Jorge e ergueu a taça depois de cinco eliminações seguidas na semifinal.

Apesar da conquista, os jogadores, que comemoraram bastante o título, agora brigam para receber. O clube está com os salários e a premiação dos torneios atrasados.

“Infelizmente estamos sem receber. Recebemos novembro com atraso e dezembro ainda não caiu. Além do salário de dezembro faltam também as premiações da Liga Nacional e do Paulista. E o pior é que não deram data e nem previsão para o acerto”, disse o ala Arthur recém contratado pelo Magnus.

O pivô Rocha, que também deixou o clube para jogar na equipe de Sorocaba, comentou o atraso dos pagamentos.

“Ficamos sem os presentes de natal, infelizmente. Situação chata. E nem previsão deram”, lamenta.

Nesta temporada, a equipe conquistou também a Liga Paulista em cima da equipe de Falcão.