Treinador do Chelsea admite pela primeira vez risco de rebaixamento

Chelsea
Reprodução/Facebook

O treinador do Chelsea, Guus Hiddink admitiu pela primeira vez que sua equipe corre risco de rebaixamento pelo Campeonato Inglês.

Durante coletiva que antecedeu o jogo entre Chelsea e Everton, realizada nesta sexta-feira(15), Guus Hiddink admitiu a possibilidade de o Chelsea ser rebaixado.

LEIA MAIS: 
Antes de ser preso, traficante mexicano queria comprar o Chelsea, diz jornal
Veja como ficou a classificação do Campeonato Inglês após a 21ª rodada

“É uma realidade que está aí. Temos dois jogos muito complicados e se não conseguirmos pontos não sabemos o que acontecerá lá na frente. Na Premier League [Campeonato Inglês] é possível ser surpreendido no fim”, afirmou Hiddink.

Os campeões ingleses estão apenas com seis pontos acima da zona de rebaixamento. O técnico holandês, que substituiu José Mourinho em dezembro, alertou para o fato de o Chelsea estar apenas seis pontos acima dos times que atualmente estariam rebaixados que são Sunderland, Newcastle e Aston Villa.

“Há 12 pontos de diferença para o quarto classificado, o Tottenham. Gostaríamos de estar discutindo as primeiras colocações na tabela, mas temos que ser realistas, pois estamos mais perto do rebaixamento do que da Liga dos Campeões”, finalizou.

O holandês no entanto já melhorou o Chelsea, que estava a um ponto acima da zona quando assumiu a equipe. Foram cinco jogos sem perder, porém com apenas duas vitórias.

A equipe do Chelsea joga contra o Everton neste sábado em sua casa.

Reprodução/Facebook