Palmeiras: Alto salário trava o empréstimo de Mouche

Com todos os reforços desejados já contratados – foram oito no total, mais a manutenção de Rafael Marques -, o Palmeiras agora se preocupa com a situação de alguns atletas que querem deixar o clube por falta de espaço. Nesta lista, o nome de Pablo Mouche se destaca, porém, seus altos vencimentos, em dólar, estão atrapalhando as negociações.

LEIA MAIS:

Rival do Palmeiras na Libertadores, Rosario Central deve perder seu principal jogador

Conheça as mulheres dos jogadores do Palmeiras em 2016

Com pouco espaço no Palmeiras, zagueiro pode acabar em elenco rival

Palmeiras terá 11 baixas para a disputa do Paulistão; entenda

Com pouco espaço no Palmeiras, zagueiro pode acabar em elenco rival

O argentino, de 28 anos, desperta o interesse do Atlas, do México, e do San Lorenzo, de seu país natal, entretanto, seu sálario, inflacionado pela alta do dólar, dificulta seu empréstimo.

De acordo com o “Diário de S. Paulo”, Mouche recebe US$ 80 mil (cerca de R$ 320 mil na cotação atual) e, por isso, nenhuma equipe fez uma oferta de empréstimo que interesse ao Verdão. Houve até uma proposta pelos seus direitos de R$ 4 milhões, em definitivo, mas o clube não aceitou. Ainda segundo a publicação, outros dois clubes brasileiros, além de um espanhol se interessaram pelo atleta, mas não fizeram proposta oficial.

Contratado em junho de 2014, a pedido do então treinador Ricardo Gareca, Mouche não conseguiu encontrar o espaço que desejava no time paulista e já disse diversas vezes que pretende sair para poder jogar com mais frequência.

Em 2015, prejudicado por uma séria lesão no joelho direito, no início da temporada, o atacante conseguiu jogar apenas seis partidas, sem marcar gols.

Crédito da foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras