Dakar: X-Raid entra com pedido de recurso e pode tirar título de Peterhansel

Nasser Al-Attiyah (QAT) from Axion X-Raid Team performs during stage 8 of Rally Dakar 2016 from Salta to Belen, Argentina on January 11, 2016.

Stephane Peterhansel pode perder o título do Rally Dakar conquistado neste sábado (16). O X-Raid Team, equipe oficial de fábrica da Mini, reclama que o francês, integrante do time da Peugeot, teria abastecido seu carro em um local não autorizado pela direção de prova.

LEIA MAIS:
Stephane Peterhansel conquista seu 12º título no Rally Dakar

Para a equipe francesa, o regulamento do Dakar permite que a assistência ocorra em zonas de neutralização. Já Sven Quandt, líder da X-Raid, diz que o alguém fez a orientação durante o briefing para que os carros não abastecessem durante a etapa, sendo o reabastecimento permitido apenas para motos e quadriciclos.

A X-Raid, que terminou com o vice-campeonato com Nasser Al-Attiyah, fez esta queixa aos comissários desportivos da prova, que negaram a falha de Peterhansel. Agora, a equipe fez uma apelação junto ao Tribunal de Apelo da Federação Francesa, que tem até 30 dias para dar um parecer sobre o caso.

A Peugeot demonstrou amplo domínio ao longo de todo o Dakar 2016, vencendo nove das 13 especiais, vendo os rivais da Mini vencer apenas três estágios (um dos trechos foi cancelado). Caso seja considerado culpado, a punição para Peterhansel pode ser desde um acréscimo de seis horas ao tempo final da prova até a desclassificação.

Foto: Red Bull Content Pool



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.