Que feio! Gremistas quebram e arremessam cadeiras após vice-campeonato

crédito foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

Gremistas que não admitiram a perda do título gaúcho para o arquirrival Inter no último domingo quebraram cadeiras e as arremessaram no gramado do Beira-Rio logo após o apito final de Leandro Vuaden. Pelo menos 140 assentos foram danificados.

LEIA MAIS:
Internacional supera o Grêmio e conquista o pentacampeonato gaúcho
Felipão se irrita com boatos sobre sua possível saída do Grêmio

Romildo Bolzan Júnior, presidente do Grêmio, condenou o comportamento dos torcedores e espera que a administração do estádio colorado identifique os responsáveis para que o Tricolor não corra risco de punição na justiça desportiva.

“É uma atitude reprovável. Tomara que haja identificação. É bom que a gente saiba quem são. Vamos fazer um esforço. Tomara que a administração do Beira-Rio consiga identificar. Quem mais quer saber somos nós. O Grêmio, além de pagar, poderá ter avaliações de ordem processual. Não concordamos com essa atitude. Tomara que identifiquem quem são para que isso acabe com punição”, disse.

Durante o clássico, alguns torcedores gremistas haviam brigado entre si e acabaram sendo contidos pela Briga Militar

crédito foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)