Prandelli pede demissão após eliminação da Itália na Copa

salários
Getty Images

O técnico da Itália, Cesare Prandelli, contou que pediu demissão após eliminação da Azzurra na Copa.

Segundo Prandelli, ele comunicou a decisão ao presidente da Federação Italiana de Futebol logo após a derrota para o Uruguai por 1 a 0, nesta terça-feira, na Arena das Dunas, pela última rodada do grupo D da Copa.

Mas a decisão ainda não é definitiva, pois o comandante da Federação Italiana falou após o treinador e disse que espera que Prandelli reconsidere da decisão e continue como comandante da Itália após a Copa.

“Depois da renovação de contrato, quase nos sentimos parte de um partido político. Fomos acusados”, reclamou Prandelli durante a coletiva.

O treinador da Itália também falou sobre a derrota para o Uruguai. Na sua visão, o jogo estava bastante equilibrado até a expulsão de Marchisio, que mudou toda a história da partida.

Prandelli comandou a Itália que perdeu duas vezes e venceu apenas uma partida nesta Copa, terminando na terceira colocação do grupo D com três pontos. Costa Rica, com sete, e Uruguai, com seis, foram os classificados do que era considerado o grupo da morte.



Jornalista de esportes desde 2005, com passagem pelo UOL e Terra. Editor de comunidades do Torcedores.com e blogueiro do renanprates.com